Caderno de um Ausente: Leitura deliciosa!


Caderno de um Ausente, de autoria do brasileiro João Anzanello Carrascoza,  foi publicado pela Cosac Naify, e é a minha dica de leitura de hoje. Esse livro literalmente me achou, pois comprei ele em ebook pelo meu Kobo, sem nem mesmo ler a sinopse, apenas curioso por conta do título. Após iniciar a leitura da amostra, percebi que seria uma boa aquisição e adquiri o livro completo.


Caderno de um Ausente tem uma narrativa agradável, quase uma conversa, ou se preferirem, uma espécie de "prosa poética", aborda as inquietações de um homem cinquentenário que torna-se pai pela segunda vez. No livro, João escreve à sua filha recém nascida, Bia, apresentando o mundo e os sentimentos de alguém que talvez não conheça em sua maturidade. Carrascoza carrega de sentimento seu texto em cada linha, com uma linguagem filosófica simples, e acessível. Reflexões sobre a vida, e a morte e principalmente sobre as memórias permeiam a narrativa por completo, que te segura, te prende e você gosta. A criatividade do autor vai além, você poderá perceber que o miolo do livro é carregado de espaços vazios, e quadrados - como rascunhos -  simbolizando a ausência de um pai preocupado com o futuro da filha. 

Caderno de Um Ausente, é o segundo livro de João Carrascoza, e já me deixou com vontade de ler outras obras do autor. A capa, em sua simplicidade é bem elaborada e agradável. Em versão física, uma espécie de bege, (sou péssimo em cores não comuns...) em ebook, azul.


Pois bem, esse é um livro que recomendo,  apesar de ser curto, fiquei muito entusiasmado ao ler essa obra. (Na realidade, tenho percebido que os livros curtos tem sido mais gostosos do que os extensos, que por muitas vezes, enrolam mais do que narram.) Digo que valeu a pena cada centavo pago. Mais uma vez a Cosac Naify me surpreendeu com outro bom título e principalmente por valorizar o autor nacional.

Alexandre Melo
@_alexandremelo
Tecnologia do Blogger.